2-COMO DIAGNOSTICAR A ASMA

COMO FAZER O DIAGNÓSTICO DA ASMA?
Durante a consulta, o médico pode detectar os sintomas característicos da doença e as formas como eles se desenvolvem e, assim estabelecer o diagnóstico da doença.
 
Habitualmente o asmático possui sua doença desde a infância, mas também é possível que a asma se manifeste a partir da idade adulta ou mesmo quando idoso.
 
A presença de rinite alérgica é outro fator importante a ser observado no momento do diagnóstico, pois o controle da rinite também influencia no controle da asma.

O QUE É ESPIROMETRIA?
O exame de espirometria, também conhecido como “exame do sopro”, faz parte das provas de função de pulmonar e detecta as alterações do fluxo de ar ao passar pelas vias aéreas.
 
O asmático possui alterações características a serem observadas na espirometria e este exame permite estabelecer não só o diagnóstico da doença como também a sua gravidade.
 
A repetição da espirometria ao longo do tempo também permite se observar a melhora do paciente e permitir as alterações do tratamento.

O QUE SÃO AS PROVAS DE FUNÇÃO PULMONAR
COMO SOLICITAR AS PROVAS DE FUNÇÃO PULMONAR



Espirômetro para a Realização de Provas de Função Pulmonar

A ESPIROMETRIA PODE SER NORMAL NO ASMÁTICO?
A espirometria é um exame que detecta a alteração ao fluxo de ar no momento da sua realização. É possível a espirometria do asmático ser normal quando se encontra fora de crise ou quando a doença está controlada com medicamentos.

QUAIS OS OUTROS EXAMES PARA DIAGNOSTICAR ASMA SE A ESPIROMETRIA É NORMAL?
Quando existe a suspeita de asma e a espirometria é normal é possível se realizar outros exames, um pouco mais complexos, para se chegar ao diagnóstico: teste de broncoprovocação ou teste cardiopulmonar de esforço (ergoespirometria).

OS TESTES ALÉRGICOS SÃO IMPORTANTES PARA O DIAGNÓSTICO DE ASMA?
Os testes alérgicos, sejam realizados por aplicação sobre a pele ou pela coleta de sangue, apenas diagnosticam o fato da pessoa ser alérgica ou não, mas não a diagnosticam asma. São exames auxiliares que auxiliam o diagnóstico em casos duvidosos.

O QUE É A DOSAGEM DE IgE?
A imunoglobulina “E” é um anticorpo presente no sangue e que determina as reações alérgicas a várias substâncias. Ela pode ser detectada por exame de sangue na sua concentração total (IgE total) ou separada entre as várias substâncias que provocam alergias (exame conhecido por IgE-RAST).
 
A dosagem da IgE total é importante para os casos de asma de difícil controle, onde são usados medicamentos específicos cuja dosagem se baseia no número de IgE circulante e no peso do doente.
Compartilhar:

CONTATOS

HIGIENÓPOLIS
Rua Conselheiro Brotero, 1539 - Cont. 111

Telefones: 55 (11) 3661-1740 / 3667-1017

SANTANA
Rua Dr. Zuquim, 449 - conj. 74

Telefones: 55 (11) 2973-2440 / 2283-0037

Marque sua consulta

Tira Dúvidas

Inaladores"

Tabagismo"